Passar para o Conteúdo Principal
Logótipo CM Vagos

MUNICÍPIO DE VAGOS ENTREGA MAIS DE UM MILHAR DE VISEIRAS AO COMÉRCIO

MUNICÍPIO DE VAGOS ENTREGA MAIS DE  UM MILHAR DE VISEIRAS AO COMÉRCIO
04 Junho 2020

No sentido de garantir a segurança de comerciantes e clientes, o Município de Vagos, durante as últimas duas semanas, forneceu aos comerciantes de todo o concelho um número assinalável de viseiras. Continuar a garantir a segurança de todos é o mote nesta terceira fase de desconfinamento.

A Câmara Municipal distribuiu, nas duas últimas semanas, a todos os estabelecimentos comerciais do concelho, Equipamentos de Proteção Individual com objetivo de dotar os respetivos espaços com viseiras que assegurem, quer a proteção dos seus funcionários quer a dos respetivos clientes e que se evitem novos focos de contágio durante os períodos de desconfinamento da pandemia Covid-19.

A entrega das viseiras teve o seu início nas freguesias mais a sul do concelho de Vagos, tendo-se estendido progressivamente a toda a extensão do território vaguense.

Nesta iniciativa, foram entregues 1145 viseiras distribuídas por 373 estabelecimentos comerciais, sendo que a relação viseiras/ estabelecimentos por freguesia apresenta-se da seguinte forma:

  • Freguesia de Fonte de Angeão e Covão do Lobo: 53 viseiras nos 14 estabelecimentos;
  • União de freguesias de Vagos e Santo António de Vagos: 361 viseiras nos 136 estabelecimentos;
  • Freguesia da Gafanha da Boa-Hora: 244 viseiras nos 68 estabelecimentos;
  • Freguesia de Santo André de Vagos: 101 viseiras nos 31 estabelecimentos;
  • Freguesia de Ouca: 40 viseiras nos 16 estabelecimentos;
  • Freguesia de Soza: 87 viseiras nos 30 estabelecimentos;
  • Freguesia de Calvão: 157 viseiras nos 43 estabelecimentos;
  • União de Freguesia de Ponte de Vagos e Santa Catarina: 102 viseiras nos 35 estabelecimentos

Apesar de estar fechada a primeira fase de entrega de viseiras, o município irá continuar a apoiar os comerciantes com estas e outras medidas de revitalização económica constantes no pacote de medidas-estímulo para a economia vaguense, criado como ferramenta de revitalização do tecido económico do concelho, tendo em conta as fortes consequências provocadas pelo impacto da pandemia COVID-19 no tecido social e económico do concelho de Vagos.